terça-feira, dezembro 01, 2009

Hoje é o meu dia


AMIZADE

Para a Júlia Coutinho

És a minha amiga
fogo e água

A luta e a ternura
a dar um laço

Cuidando solidária
em nó de afecto

És a minha amiga
força e frágil



Maria Teresa Horta
Nota: Um presente muito especial no dia em que assinalo a passagem do meu 62º anivesário e que me deixou sensibilizadíssima. Obrigada minha querida Teresa.

6 comentários:

Paula Raposo disse...

Lindíssimo poema! Parabéns Júlia pelo teu dia de hoje e pela Amizade de todos.
Muitos beijos.

Conceição disse...

umaternura da Maria Teresa Horta uma grande senhora da nossa literatura e de causas. Merecido por ti pela pessoa que és.
K o ano k ora começaste te seja bom em todos oscampos da vida.
Bjs e;))

antonioleitao7 disse...

Adorei o poema.
Bem-vinda aos nossos 62!!!

Guadalupe disse...

O poema é lindo e a pessoa a quem é dedicado também o é. A amizade falada em jeito de poema ainda fica mais bonita e cheia de magia. São duas mulheres especiais e estão ambas de parabéns: uma por dar outra por receber. Na partilha e comunhão dos afectos reside a felicidade. Que nunca se desfaçam os nós nem se desapertem os laços.
Chi coração.
Guadalupe

Dad disse...

Lindo o poema da Teresa e linda a Júlia. Gostei imenso de ter ido à comemoração. O ambiente foi fantástico!

Beijinho grande e que este ano seja um belíssimo ano para ti!

Manuel disse...

Um beijo afectuoso do seu
Manuel Sá Marques